segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Agora eu sou uma delas.



Quieta, admirando as estrelas pela sua janela numa noite fria de quinta-feira. Você até parece ser uma boa pessoa dormindo, parece.
Sento-me na poltrona perto da sua cama.
Como você pode? O que lhe provocava tanto prazer em ver lágrimas escorrerem do meu rosto, diga-me?
Irônico eu achar que você me escuta, tu nunca desde ouvidos para uma única palavra minha.
Pedi as estrelas que te mudassem, porém elas não ouviram meu pedido.
Hoje entendo perfeitamente o por que, você não acreditava que elas poderiam fazer alguma coisa. Tu dizias que eu me tornava uma menina patética por dar tanta importância a elas. Eu acreditava no nosso amor, você não.
Ah, me desculpe, agora está na hora de voltar para o meu novo lar, sei que você nunca irá me visitar, você não acredita em estrelas não é mesmo? (...)

10 comentários:

Julia Melo disse...

lindo, fofo :)

Vanity Nerdy. disse...

Muito obrigada pela visita! <3
Texto e imagens lindos, adorei esse céu haha! :~

beijos

manuella camposelli disse...

ah gurias, obrigada *-*

Paulinha B. disse...

que foofo *-*
seguindo você aqui ;)

manuella camposelli disse...

obrigada (:

P. guedes* disse...

Seu blog é muito lindo, estou seguindo...
sa uma olhada no meu :D

manuella camposelli disse...

ah, obrigada *-* passo sim amor.

Caroline disse...

Muito lindo o texto! *-*

beijos.

manuella camposelli disse...

agradeço caroline, *-*

DrayCass disse...

textos lindos , estou seguindo ! (: