segunda-feira, 14 de março de 2011

Botão de retroceder.


Aquele momento em que você queria que tudo que já passou voltasse. Como se fosse possível voltar atrás, voltar algumas cenas que vivemos, como em um filme quando você aperta no botão "retroceder'' do controle remoto . Volta uma, duas, três cenas. Três etapas da vida. E se fosse possível, você voltaria?
Naquela época que foi feliz, ou melhor, que tu achas que foi feliz.
Em uma das minhas tantas conversas com as minhas amigas sobre se pudéssemos reviver o passado, ouvi algo extremamente interessante, e gostaria de compartilhar com vocês.
Se eu realmente tivesse sido feliz, - se tivesse encontrado a felicidade eterna, como algumas pessoas arriscam dizer - teria acabado?
A questão que ficou martelando na minha cabeça é que, se era realmente pra ser, se era o certo, por que acabou (?); por que não era o momento, talvez. Não!, olha lá vou eu defendendo o passado novamente, como eu queria que ele fosse, como se fosse eu quem mandasse nessas travessuras da vida.
E por que eu continuo a achar que voltar ao tempo seria o melhor pra mim? Se a razão diz que não é.
É aquele velho hábito de achar que nós mandamos na mente e no coração ao mesmo tempo. Eu tenho a leve impressão - e ao mesmo tempo certeza - que coração e mente são dois elementos que nunca irão concordar um com o outro. Razão ou emoção. Se tu conseguir fazer os dois se encaixarem em apenas uma coisa; uma pessoa, meus parabéns, tu és uma exceção! Ou uma azarada. Vai ver os dois elementos estão te levando para o abismo completo. Ou para o amor mais lindo e que é possível existir. Talvez!
Ai o negócio é parar e pensar se voltaria mesmo ao passado, por que não se trata de voltar apenas para o momento que tu quer, e não querer viver as consequências depois. Após muita felicidade, sempre vem lágrimas! Opa, não quero que tu me interprete mal.. mas é que no meu caso isso sempre ocorrera! Espero que contigo não seja assim, mas pense bem antes de fazer qualquer escolha.
E tu se arriscaria a mudar o passado? Um novo futuro.
Compreendi que querer voltar no tempo é uma coisa, viver tudo aquilo de novo, é outra completamente diferente.
E você, apertaria o botão de retroceder?
 


4 comentários:

Firefly disse...

E se a máquina do tempo existisse essa sim seria sucesso absoluto em vendas, pois creio eu que todos gostariam de reviver algum momento do passado, ou tentar concertar algum erro que deixou pendente, mas infelizmente o homem não a fabricou ainda, e por vezes penso que isso é bom, tudo mudaria, nem tudo para bom. Deixe o passado como foi, construa o seu futuro pois esse sim esta ao nosso alcanse.
Bem vinda de volta.

Bruna Tenório disse...

Por um momento me lembrei do filme Efeito Borboleta...
Talvez se pudesse eu voltaria no tempo para reviver algum momento agradável, mas para mudar o futuro, não. Mexer no passado talvez não me traria um futuro tão bom quanto esse que eu tenho.

Obrigada pela visita lá no blog, apareça mais vezes, haha! :D

Hozana Rodrigues disse...

Mudar o passado é uma escolha bem audaciosa e em certos pontos tolice. Tudo o que fazemos traz resultados no futuro (bons ou ruins) e isso quer dizer o nosso passado é quem nos fez o que somos hoje. Algumas pessoas gostaria de mudar o passado para se livrar de tristes memórias e de erros cometidos; mas descartar essas experiências, seria descartar tudo o que aprendemos durante a vida; toda a "maturidade" que adquirimos.
Enfim, lamentar, sentir saudades é natural; se aprisionar ao fato de querer viver e/ou refazer nos impede de analisar o hoje e aproveitar tudo da maneira possível. Viver o hoje é o importante... Só assim você não olhará para hoje no futuro com lamentos de não ter vivido.

Parabéns pelo post querida!
Muito bom mesmo!
E muito obrigado por visitar o meu blog.
Um beijo.

RAFAELA AMARAL disse...

Realmente, nem tudo o que parece é. Não é verdade?
Belo texto, flor!
E obrigada por ter passado no meu blog, vim aqui retribuir o comentário lindo que deixou lá.

Beijo grande.